Histórico

O Ribeirão em Cena foi contemplado como “Ponto de Cultura”, Ministério da Cultura, Mais Cultura, Cultura Viva e Areté Cultura Viva.

Recentemente foi apoiado pelo MinC, através do Edital de Intercâmbio e Difusão Cultural/2012, que permitiu a participação dos estudantes do Instituto com o espetáculo “Mulheres Vermelhas”, no IV Festival de Teatro da Cidade de São Paulo.

Pelo Proac - ICMS, contou com o incentivo de empresas como a “Citroën-Indepèndance”, Noblebioenergia, 3M e Companhia de Bebidas Ipiranga. Ao longo da trajetória cultural recebeu patrocínio de empresas como Caixa Econômica Federal, Usina Santa Elisa Vale, Coca-Cola, COC, Companhia Aéreas Gol, CTBC, além do apoio da Secretaria Municipal de Educação de Ribeirão Preto e da Embaixada da Federação Russa, que apoiou o I Festival Tchekhov em 2004. A Associação conta ainda com o apoio do “Cine Clube Cauim” de Ribeirão Preto, Grupo “Tortura Nunca Mais” do Paraná, “Instituto Vladimir Herzog”, UGT –Sibipiruna, Centro Cultural Orunmilá, jornal “Brasil de Fato”, “Portal Macunaíma” de Jair Alves, entre outros colaboradores.

Abaixo segue alguns eventos realizados:

2013: Antiperipléia – Peça baseada na literatura de Guimarães Rosa.

2012: ‘Mulheres Vermelhas’ – Peça que narra história de mulheres que fizeram oposição ao Regime Militar Brasileiro, direção de Gilson Filho, participou do Festival de Curitiba, com temporada em 10 cidades interioranas. A peça em questão foi Contemplada pelo MinC, para a participação do elenco no IV Festival de Teatro da Cidade de São Paulo,no qual foram selecionados apenas 11 grupos dos 412 inscritos.

2012: XI Mostra Ribeirão em Cena de Teatro, com 8 peças com os alunos concluintes do Curso de Formação de Atores.

2011: Vinda de Eugênio Barba ao espaço Ribeirão em Cena com demonstração do trabalho desenvolvido pelo Odin Teatret, Dinamarca. Realização da I Semana de Antropologia Teatral com participação do ODIN TEATRET.

2011: NIT – Núcleo de Investigação Teatral vai a França para demonstração artística na Sorbonne, em Paris.

2011: Espetáculo “Hoje é dia de Rock” de Gil Vicente ,com direção de Júlio Avanci. Espetáculo “Eles estavam lá” baseado no Texto de Guimarães Rosa”, com direção de Renato Ferreira.

2011: Mostra de peças inéditas, Novas Dramaturgias.

2011: Espetáculo “Pai” de Izaías Almada participa XX Festival de Curitiba.

2009: Realizado a VIII Mostra Ribeirão em Cena de Teatro.

2009: O espetáculo “Um Grito Parado no Ar” participa do Fringe – Festival de Curitiba.

2008: Estreia João Curió, apresentado para 30 mil cortadores de cana em cima da boleia do caminhão.

2008: Nasce o NIT (Núcleo de Investigação Teatral) núcleo de pesquisa teatral do Instituto Ribeirão Em cena coordenação José Mauricio Cagno.

2007: Ribeirão em Cena sedia o Primeiro Encontro Brasileiro de Coro Cênico, sete dias de oficinas e apresentações.

2007: “Um Grito Parado no Ar” de Guarnieri, estreia no Teatro RibCena.

2006: “Madame Blavatsky”, Plínio Marcos, com atores do Ribeirão em Cena.

2006: Ribeirão em Cena produz “O Santo Inquérito” de Dias Gomes com apoio da Caixa Econômica Federal.

2005: Festival CAIXA de teatro.

2004: Festival de Teatro Russo – Festival Tchekhov, patrono Antônio Abujamra, com apresentação do grupo de teatro Jaroslavi da Rússia e apresentação do Ballet Bolshoi de Joinville, a única escola do grupo fora da Rússia.

2001: Sucesso em Campinas “Óbvio Ululante” dá início a Associação Ribeirão em Cena.

2001: Inicia-se a trajetória cultural da Associação Ribeirão em Cena.